Recomendações gerais

  • Sempre que possível, as amostras devem ser coletadas e encaminhadas ao laboratório na sua embalagem original, fechada e intacta. Caso a embalagem unitária não tenha a quantidade suficiente para as análises, será necessário coletar várias embalagens do mesmo lote como parte de uma mesma unidade amostral;
  • Para produtos contidos em tanques ou grandes embalagens, impossíveis de serem transportadas ao laboratório, deve-se transferir porções representativas da massa total para frascos ou bolsas de coleta estéreis, sob condições assépticas. O laboratório disponibiliza embalagens adequadas para cada tipo de coleta. Consulte-nos a respeito;
  • Geralmente 200 g a 500 g são suficientes para análise;
  • No caso de análises microbiológicas e físico-químicas é necessário envio de amostras separadamente;
  • Lavar as mãos e antebraços antes do início da coleta;
  • Não falar, tossir ou espirrar durante a coleta;
  • Os utensílios utilizados devem ser higienizados e as embalagens esterilizadas;
  • As amostras de produtos perecíveis deverão ser acondicionadas em recipientes isotérmicos (caixa de isopor) com gelo, tomando-se o cuidado para que não haja contato das amostras com água de degelo;
  • Produtos congelados devem ser mantidos desta forma até a chegada ao laboratório;
  • Todas as amostras devem ser identificadas adequadamente;
  • As amostras deverão ser acompanhadas de formulário contendo dados relativos à coleta. O laboratório tem um modelo de formulário disponível no site.